Pedalando pelo GR28

A serra a arder perto do Merujal, 07 de Agosto de 2010.

Serra do Gerês

Caminhando entre Garranos, de 07 a 08 de Maio de 2005.

Serra de São Macário

Escalada na Pena, 15 de Setembro de 2013.

Serra da Estrela

I Travessia em autonomia total - Guarda - Loriga, de 12 a 16 de Abril de 2004.

Linha do Dão - Ponte de Nagoselas

Travessia BTT pelas Linhas do Dão e Vouga, de 09 a 11 de Abril de 2009.

Caminhos de Santiago

Travessia do Rio Lires no Caminho de Finisterra, de 29 a 31 de Julho de 2010.

Serra de Montemuro

Nas Minas de Moimenta, 29 de Janeiro de 2011.

Linha do Corgo - Ponte do Tanha

Travessia da Linha do Corgo, de 06 a 10 de Outubro de 2013.

Serra do Caramulo

Nas neves do Caramulo com vista para a Serra da Estrela, 04 de Dezembro de 2010.

Aldeias Históricas

De BTT em autonomia total pelo GR22, de 28 de Abril a 01 de Maio de 2006.

Linha do Corgo...

04/12/2010

Na neve do Caramulo






Depois de lhe tomar o gosto na Serra da Freita hoje fomos espreitar a Serra do Caramulo.
Para minha surpresa a quantidade de neve nesta serra ainda era melhor que a que encontrámos na Freita, embora ontem não tenhamos conseguido chegar ao topo da serra.
No Caramulo caminhámos até ao Caramulinho, ponto mais alto desta serra, ao qual subimos para contemplar as bonitas vistas em redor.
Lá de cima vimos os picos nevados da Serra da Estrela, Açor, Arada, Freita, Montemuro e outras ao longe. Bonito de se ver.
Depois fomos calcando a neve ao longo dos trilhos até Jueus, daí por estrada até Pedrogão e depois por trilho de volta ao carro.
As paisagens ganham uma beleza divinal e pessoalmente apetece-me seguir já para outra serra qualquer.


Video:

Neve no Caramulo (em directo)

Aldeia de Cadraços coberta de neve.


A Caminho do Caramulinho



Subida ao Caramulinho

No ponto mais alto da Serra do Caramulo


Um arroz de pato para compensar o desgaste e o frio

03/12/2010

Na neve da Serra da Freita



Depois da neve que caiu pelo país nestes últimos dias e aproveitando o facto de estar de férias, fui mais o Bruno até à Serra da Freita para caminhar um pouco na neve e usufruir das belas imagens que a neve nos proporciona na montanha.
A estrada de acesso ao Merujal estava com bastante gelo impedindo-nos de lá chegar de carro pelo que tivemos que o deixar na estrada e continuar a pé pela mesma.
Entrámos depois pelo GR28, que se encontrava coberto de neve, e daí seguimos até à Via Romana.
Com todo o trilho coberto de neve e com a paisagem em redor pintada de tons brancos e negros já pudemos dar por bem empregue a ida à serra, tal a beleza da paisagem nevada.
Seguimos até ao Merujal onde a aldeia se encontrava coberta de neve e depois até à Senhora da Lage. Ao longe Montemuro avistava-se coberta de espesso manto de neve branca e quase todos os picos em redor, mesmo alguns bem no horizonte, brilhavam ao Sol devido à neve.
O dia esteve bom, não muito frio, mas muito bonito para caminhar na neve.


Neve na Serra da Freita (em directo)

Na Srª da Lage.

Ao fundo Montemuro cheio de neve.

Via Romana (Trilho dos Burros).

Na aldeia do Merujal.

Isto branquinho é mais bonito.

GR28 com neve.

Eu e o Bruno na Serra da Freita.

28/11/2010

Rota do Ouro Negro


Depois de uns longos tempos sem caminhar por montes e vales eu e o meu amigo Vicente lá fomos até à Serra da Freita para percorrer a Rota do Ouro Negro. O dia esteve frio mas muito bom para estas aventuras.
Calmamente fomos de Fuste até Rio de Frades, passando pelas minas da Pena Amarela, e nessa povoação conhecemos e conversámos com a Dª Isaura, dona da mercearia/café local, em mais um daqueles belos momentos que estes passeios têm.
Depois de tomarmos uma cervejita para dar ânimo regressámos às minas e depois a Fuste.
Já conhecia este trilho dado que já o realizei duas vezes mas, após tanto tempo sem caminhar, as subidas pareceram-me mais íngremes. Deve ser a PDI...


Rota do Ouro Negro (em directo)


Caminhando sobre as nuvens


As Minas da Pena Amarela ao fundo


Nas minas da Pena Amarela


Uma cervejinha em Rio de Frades


Final do percurso junto à capela de Fuste

05/10/2010

Fotografando o património da Linha do Vouga

















Este fim-de-semana aproveitei, na companhia do Vicente e do Cardoso, para treinar ao longo da Linha do Vouga e fotografar todo o património que por lá ainda existe. Algum está recuperado, outro em vias de ser recuperado, algum continua em decadência e muito está perdido para sempre. Detectei que algum fotografado, aquando da nossa "exploração" da linha em 2007, entretanto também já desapareceu.
Espero ficar com muito e bom material para documentar as páginas para a parte da Aventura nas Linhas Férreas Extintas.

18/09/2010

Mais uma escalada na Freita...

E lá fomos mais uma vez até à Serra da Freita para tentar recuperar alguma forma e técnica na escalada.
Tirando o Pina Jorge, que continua a dar cartas, o resto dos "escaladores" continuam muito em baixo de forma.
Pessoalmente, para além de vir um bocado dorido e cansado, não vim satisfeito. Nem com a performance miserável nem com a quantidade de vias efectuadas. Apetecia-me mais.

11/09/2010

De volta à Escalada...



A oportunidade finalmente surgiu e num par de horas decidimos ir até à Freita para escalar umas vias.
Depois de fazermos duas vias das mais fáceis confirmámos o que já suspeitávamos. Um ano sem escalar e a forma, que já não era muita, foi-se.
Nem os muitos quilómetros de BTT me valeram.
No final estávamos de rastos.
Só há uma solução, que é voltar lá mais vezes.
De positivo, para além de voltarmos à rocha, o facto do Bruno ter sido iniciado nestas andanças e, ter feito já algumas vias.
Penso que ganhámos mais um adepto para esta modalidade.
Quanto a nós, temos mesmo que fazer muitas vias e, fica já o aviso que 2011 está já designado como o "Ano da Rocha".

06/09/2010

Fotos da aventura nos Caminhos de Santiago


As fotos desta Aventura nos Caminhos de Santiago estão disponíveis nos links abaixo e os relatos das jornadas serão apresentadas em breve nas páginas dedicadas ao caminho Inglês e Fisterra.




04/09/2010

Caminhos de Santiago em BTT (em directo)

4 de Setembro

Regresso a Portugal

Ontem depois de 3 horas de autocarro e 2 de comboio já não foi possível apanhar o comboio para Portugal. Finalmente regressamos hoje.
--------------------------------------------------------------

3 de Setembro 11:45

Fim da peregrinação

Chegámos ao cabo Fisterra. Agora enquanto aguardamos pelas fisterranas comemos uma sopa de marisco e não só. Isto de ser peregrino não é fácil.
--------------------------------------------------------------
3 de Setembro 7:45

Ultima etapa

Preparativos para a última etapa. Muxia a Fisterra.
--------------------------------------------------------------

2 de Setembro 16:34

Chegada a Muxia

Concluimos esta etapa com as pernas a acusar o esforço. Agora só a sidra, a cerveja e uns petiscos é que nos "calientam" a alma.
--------------------------------------------------------------

2 de Setembro 10:33

Chegámos a Oliveiroa

Estamos a meio da etapa com 33km feitos.
--------------------------------------------------------------

2 de Setembro 8:58

A caminho de Muxia

15km já estão feitos.
--------------------------------------------------------------

1 de Setembro 20:43

Final de mais uma etapa

Demos por terminada mais uma etapa que combina o final do caminho inglês com o início do caminho de Fisterra via Muxia. Foram 60 km com alguma dificuldade. Amanhã queremos chegar a Muxia a mais de 60km daqui.
--------------------------------------------------------------

1 de Setembro 14:54

A caminho de Muxia e Fisterra

Já passámos Santiago e estamos a meio duma subida dura.
--------------------------------------------------------------
1 de Setembro

Mais uma etapa

Chove e troveja e já fomos abençoados com a chuva de Santiago.
--------------------------------------------------------------
31 de Agosto
Etapa Cumprida

Etapa dura com quase 40km maioritariamente ascendente. A 10km do final esperávam-nos 2km intensos, metade deles a empurrar a bicicleta. Agora vamos à rotina diária. Amanhã há mais.

--------------------------------------------------------------
31 de Agosto
A meio da etapa
Chegámos a Cos. Quase 20 km com muitas e boas subidas.




















--------------------------------------------------------------
31 de Agosto
2ª Etapa

Início da etapa Miño-Bruma
--------------------------------------------------------------

30 de Agosto 16:02

Conclusão da 1ª etapa

Concluimos a ligação entre o albergue de Covas e o albergue de Miño num total de 52km. Bons trilhos e bonitas paisagens, quase sempre com a ria por perto. Algumas subidas longas e íngremes para recordar. Agora banho, lavar a roupa, comer e descansar.
--------------------------------------------------------------

30 de Agosto 9:46


Caminho inglês












Iniciámos o caminho. Que Santiago esteja connosco!


--------------------------------------------------------------

29 de Agosto 17:07

Camiño do Teixido

Acabamos de fazer o chamado caminho do Teixido e a visita à cidade do Ferrol. Regressamos depois ao albergue para o banho e para almocar. Nesta volta fizémos mais de 42 km com umas belas subidas, contudo as paisagens e o património valem o esforço. Agora vamos descansar.

Nota do editor(Vicente): Não se sintam ofendidos com o gesto do amigo Amaral. Muitos de voces já sabem como ele é. :)
--------------------------------------------------------------

29 de Agosto 11:16

Pelos arredores de Ferrol

Volta ao Ferrol e às suas belezas naturais. Aproveitamos para treinar e aquecer as pernas.
--------------------------------------------------------------
28 de Agosto 20:52
Finalmente no Caminho

Depois de chegar ao Ferrol viemos até ao albergue de Cobas. Para cá chegar pedalámos uns 12km quase sempre a subir. O Amaral lembrou-se que em vez das tainadas devia ter treinado. No albergue fomos muito bem recebidos. Amanhã por sugestão do pessoal do albergue vamos fazer um percurso na zona e regressamos ao albergue.
--------------------------------------------------------------
28 de Agosto 14:44
Ultimas Noticias

Graças a gente boa já estamos a caminho do Ferrol. Vamos fazer o caminho inglês e depois vamos à Finisterra.
--------------------------------------------------------------
28 de Agosto 11:48
Ultima frustração
Para não regressarmos já a portugal decidi seguir para o Ferrol e fazer o caminho ingles e depois ligar ao cabo Finisterra. A custo convenci o Amaral a acompanhar-me. Depois de decidirmos avançar para esta alternativa fomos comprar o bilhete. Para variar o comboio que faz a ligação da Coruña ao Ferrol não transporta bicicletas.
--------------------------------------------------------------
28 de Agosto 9:28
Uma luz ao fundo do túnel

Esperámos que o comboio chegasse e falo com o maquinista. O homem fala com a responsável e esta acede a que levemos as bicicletas. Vamos à bilheteira e já não há bilhetes. Santiago decididamente não está connosco.
--------------------------------------------------------------
28 de Agosto 9:17
Nada corre bem
Depois de não arranjarmos lugar no autocarro regressámos à estação de comboios. Há um comboio para San Sebastian às 9h25. O comboio não transporta bikes é a notícia que deita tudo por terra.
--------------------------------------------------------------
27 de Agosto
A matar as mágoas

Não temos a certeza se conseguimos seguir viagem. Amanhã vamos às 7 horas tentar um autocarro para San Sebastian e se tal não for possivel vamos tentar o comboio às 9h35 para Hendaya.
--------------------------------------------------------------
27 de Agosto
Nova tentativa para chegar a Irun

No comboio a caminho de Vigo.
--------------------------------------------------------------
26 de Agosto 16:30
A Aventura começou!

Em Aveiro junto ao comboio (ainda tudo corria bem).

E a aventura acabou mais rápido do que começou!

A besta que nos vendeu os bilhetes vendeu o bilhete para a Pampilhosa com data correcta (a de hoje) e o bilhete para Handaye com a data de hoje a um mês (26/09), ou seja, fomos postos fora do comboio porque o bilhete não era para este comboio e o mesmo estava esgotado.
Soubémos que mais 4 pessoas tiveram igual sorte em Coimbra (desconhecemos se o problema é o mesmo).
Regressámos desolados a Aveiro e amanhã vamos junto da CP tentar vingar os nossos direitos. Vamos ver os episódios seguintes...