Pedalando pelo GR28

A serra a arder perto do Merujal, 07 de Agosto de 2010.

Serra do Gerês

Caminhando entre Garranos, de 07 a 08 de Maio de 2005.

Serra de São Macário

Escalada na Pena, 15 de Setembro de 2013.

Serra da Estrela

I Travessia em autonomia total - Guarda - Loriga, de 12 a 16 de Abril de 2004.

Linha do Dão - Ponte de Nagoselas

Travessia BTT pelas Linhas do Dão e Vouga, de 09 a 11 de Abril de 2009.

Caminhos de Santiago

Travessia do Rio Lires no Caminho de Finisterra, de 29 a 31 de Julho de 2010.

Serra de Montemuro

Nas Minas de Moimenta, 29 de Janeiro de 2011.

Linha do Corgo - Ponte do Tanha

Travessia da Linha do Corgo, de 06 a 10 de Outubro de 2013.

Serra do Caramulo

Nas neves do Caramulo com vista para a Serra da Estrela, 04 de Dezembro de 2010.

Aldeias Históricas

De BTT em autonomia total pelo GR22, de 28 de Abril a 01 de Maio de 2006.

Serra de São Macário - Da Pena a Covas do Monte...

20/12/2009

Por Terras de Granito no Caramulo


Depois de dois meses parado, devido à frequência de um curso que me ocupou o tempo livre, voltei hoje na companhia da Natália, Vicente, Cardoso e Manuela, às actividades.
E que bem me soube sentir o frio no rosto e respirar o ar puro enquanto caminhava por trilhos tranquilos e observava a beleza que me rodeava.
Para começar decidimos não nos afastar muito de casa e fazer qualquer coisa não muito dura, porque dois meses parados fizeram algum estrago.
A escolha recaiu nos percursos de Águeda mais exactamente no seu "PR4 - Trilhos das Terras de Granito" que percorre as fraldas da Serra do Caramulo e onde em determinados pontos do percurso se pode ver, não muito longe, o Caramulinho, ponto mais alto desta serra.
Partimos assim de manhã cedo, com -1º de temperatura em direcção à aldeia de Macieira de Alcôba onde iniciámos o percurso.
Este percorre parte da aldeia, com alguns pontos interessantes, e depois de seguir um pouco por estrada (pena que o tenha que fazer por diversas vezes) entra depois por trlhos de inegável beleza, salientando-se a parte conhecida pelas Hortas Velhas, onde para além da beleza do trilho se encontram inúmeros vestígios de outros tempos, com várias ruínas interessantes e que indiciam tempos rudes e difíceis.
A visita à Srª da Guia com o seu forno comunitário e a vista para o Caramulo no Monte Junqueiro são outros pontos altos deste passeio pedestre.
No final e como os bons hábitos não se devem perder, acabámos por comer no restaurante "A Escola", que foi instalado na antiga escola primária, local com muito bom gosto, onde nos castigámos com um belo cabrito no forno, muito bem regado e acompanhado de outras iguarias e uma aguardente de aquecer as orelhas, que o tempo estava frio.
Foi um excelente recomeço de aventuras e esperamos em breve muitas mais...

As fotos do passeio