Serra de São Macário - Da Pena a Covas do Monte...

05/06/2010

Amaral a caminho de Santiago


Por Manuel Amaral :
Nunca foi o meu forte traduzir as emoções que me vão na alma, no entanto vou tentar relatar acontecimentos e sensações que me acompanham nesta minha solitária jornada de mochila às costas pelos Caminhos de Santiago.
Comecei ontem (04/Junho) o meu Caminho, aliás já andava atrás dele faz algum tempo. Cheguei a Ponte de Lima, graças à boleia dos meus amigos Mário Jorge e Carmo.
Depois do registo no albergue e cumprimentos a um amigo que ia iniciar tambem o caminho, mas em BTT, fui pagar uma promessa à tasca "Fodinhas Quentes" (Pina Jorge a culpa do nome não é minha, levo o talão de caixa para comprovar). Feitas as despedidas dos meus amigos da boleia virei-me para uns rojões e um tinto da Bairrada, graças ao convite do Daniel e dos seu amigos (betetistas). Obrigado malta e boa viagem!
Retiro para descanso. Albergue. Portas fechadas às 22h, mas sono nem vê-lo.
São 5h da manhã e começa a agitação dos preparativos de todos os que se iam fazer ao caminho. Primeiro saiu um grupo de italianos, depois os franceses, a seguir os americanos.
Eu estava na expectativa de ver com quem iria sair. Deu-se um click, carreguei a mochila nos costados e sai... a porta fechou-se... Senti-me só. Dei os os primeiros passos. Entrei finalmente no meu caminho... E senti paz. Continuei como sempre só.
De repente sinto a aproximar-se a malta das bikes que passa por mim sempre a acelerar.
São 7h da manhã e encontro um café no meio do mato. Tratei logo de tomar um frugal pequeno almoço que consistiu numa sandes de bom presunto e uma bejeca. Recomecei a caminhada e notei que o percurso estava consideravelmente mais difícil. A dor alertava-me os sentidos.
Cheguei a Rubiães eram 10.15h da manhã. Agora vou descansar até amanhã de madrugada para mais outro dia de caminho até Valença.

2 comentários:

Estás com um ar sexy nesse saco-cama verde.
Um bocado amaricado, espero que não seja esse o teu caminho...eheheheh

Boa jornada companheiro!

Então como correu o caminho de santiago? Espero que tenhas conseguido chegar ao fim sem incidentes de maior...