Sanabria - Peña Trevinca...

03/04/2017

Aldeias Históricas - Trancoso (Novo Formato)...

Trancoso é uma cidade portuguesa pertencente ao Distrito da Guarda, região Centro, sub-região da Beira Interior Norte.

Situada numa zona de montanha, possui cotas muito elevadas, chegando a alcançar os 985 metros nas freguesias de Sebadelhe da Serra e Guilheiro e 890 metros nas freguesias de Terrenho, Moreira de Rei e Trancoso.

Trancoso foi elevada a cidade a 9 de Dezembro de 2004. Este município, com 364,54 km² de área e 9 878 habitantes (2011), está subdividido em 29 freguesias, dispersas por 70 povoações.

Esta cidade, enquadrada no programa das Aldeias Históricas de Portugal, delimita-se a Norte pelo município de Penedono, a Nordeste por Mêda, a Leste por Pinhel, a Sul por Celorico da Beira, a Sudoeste por Fornos de Algodres, a Oeste por Aguiar da Beira e a Noroeste por Sernancelhe.

O concelho de Trancoso teve um fluxo populacional pouco variável, com diversos índices populacionais desde 1801, tendo estado sujeita a ciclos migratórios, pestes e guerras. No entanto, nunca houve uma grande variação, destacando-se a época de 1960, em que a emigração para outros países da Europa ultrapassou os 18 000 habitantes.

Nos nossos dias, o concelho de Trancoso sofre o flagelo da desertificação do interior, sendo a cidade de Trancoso e Vila Franca das Naves dois pólos que albergam quase cinquenta por cento da população do concelho.

Quanto à economia do concelho, predomina o comércio e a agropecuária, a pastorícia e a pequena indústria de transformação de carnes. Para além disso, possui indústrias ligadas aos sectores dos lanifícios, confecções, calçado, mobiliário, mármores e granitos, madeiras, construção civil e panificação.

0 comentários: